01/10/07 - 21h:43mDenunciar

.................

“O que é, com efeito, o homem absurdo?

Aquele que, sem o negar, nada faz pelo eterno”



“Caminhamos ao encontro do amor e do desejo.

Não buscamos lições, nem a amarga filosofia que se exige da grandeza. Além do sol, dos beijos e dos perfumes selvagens, tudo o mais nos parece fútil.”



"Se amar bastasse, as coisas seriam simples.

Quanto mais se ama, mais se consolida o absurdo."



"Mas do amor só conheço a mistura de desejo,

ternura e entendimento que me liga a determinado ser."



Albert Camus...jornalista, ensaísta, romancista e dramaturgo. Nasceu em 1913, na Argélia, e faleceu em 1960, na França.



Sartre dizia que Camus era um homem moralista...eita!!! Não só moralista, mas um homem de valores, virtuoso, simples na sua grandeza...um homem de "sistema antigo".





ao som de "Blowin in the wind"...uma linda canção para pessoas de almas não pequenas.





Bob Dylan - Blowin In The Wind (tradução)





Quantas estradas um homem deve percorrer

Pra poder ser chamado de homem?

Quantos oceanos uma pomba branca deve navegar

Pra poder dormir na areia?

Sim e quantas vezes as bolas de canhão devem voar

Antes de serem banidas pra sempre?

A resposta, meu amigo, está voando no vento

A resposta está voando no vento

Sim e por quantos anos uma montanha pode existir

Antes de ser lavada pelos oceanos?

Sim e por quantos anos algumas pessoas devem existir

Antes de poderem ser livres?

Sim e quantas vezes um homem pode virar a cabeça

Fingir que ele não vê

A resposta, meu amigo, está voando no vento

A resposta está voando no vento

Sim e quantas vezes um homem deve olhar pra cima

Antes de conseguir ver o céu?

Sim e quantos ouvidos um homem deve ter

Pra poder conseguir ouvir as pessoas chorarem?

Sim e quantas mortes serão necessárias até ele saber

Que pessoas demais morreram?

A resposta, meu amigo, está voando no vento

A resposta está voando no vento



















Comentários (2)

1. fiorella 2/10/2007 - 03h53m

i read a "the outsider" extract in school... was amazing, i fall in love of this writer, but i still haven't read the complete book, i musn't die without read it

jukhouri
2. jukhouri 2/10/2007 - 09h45m

Ju, eu não conheço o Camus, mas quem fala do amor e da vida, tem que saber do que está falando... pq é um tema que não se brinca, não se faz demagogia... ele parece saber bem do que se fala... pela serenidade do tom de suas afirmações... talvez eu não tenha entendido direito o que ele diz... mas achei mto bonito... da forma que eu interpretei... bjo, amiga...

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.