......

o rocker fã de Pixies, Mike...

Jiu-Jitsu

Formiguense fica 6 meses nos EUA e volta com 13 medalhas

Rodrigo Ranieri retornou com 11 medalhas de primeiro lugar, uma de segundo e outra de terceiro

Lúcio Flávio
colunista esportivo


O lutador formiguense Rodrigo Ranieri (Mike), da equipe Brasa, voltou dos EUA no início deste mês. Mike, que participou de 13 campeonatos de jiu-jitsu durante a sua permanência no exterior, trouxe 13 medalhas para o Brasil: 11 de primeiro lugar, uma de segundo e outra de terceira colocação.
Rodrigo foi aos EUA para participar de uma competição, o Pan-americano de Jiu-Jitsu. O formiguense conquistou o terceiro lugar do torneio e a academia New Breed, da cidade de Los Angeles, convidou Mike para ministrar aulas. O brasileiro aceitou a proposta e permaneceu nos EUA durante seis meses. “Foi uma experiência excelente. Eu voltarei em janeiro para os EUA, para continuar dando aulas na New Breed. Irei ter visto de trabalho, que tem validade de dois anos. Mas não sei ao certo quanto tempo ficarei no exterior, por causa de minha família.”
Alguns dos principais torneios que Mike disputou foram a Copa Pacífica, o No Limits, o Best of the West, o Jeremy Willians, o South Bay Open e o King of the Mountain. Todas as competições foram promovidas no Estado da Califórnia e, em todas, Rodrigo conquistou a primeira colocação na categoria adulto, faixa preta, peso pena. Mike também faturou o primeiro lugar no US Open of Submission de Jiu-Jitsu, promovido na cidade de Irvine por um aluno de Rickson Gracie, um dos mais respeitados professores do mundo, vindo da família que “inventou” o estilo de luta Brazilian Jiu-Jitsu. Na ocasião, Mike conheceu Gracie.
Além de aulas e competições, o formiguense também ministrou seminários nas cidades de Yuma, Santa Cruz, Stockom e Sacramento. Em Yuma, Mike foi convidado por um capitão do exército norte-americano para lecionar um seminário para um pelotão, que utilizará as técnicas do jiu-jitsu em combates corporais.
De volta a Formiga, Rodrigo Ranieri retomou seu trabalho com a Equipe Brasa e continuará lecionando. “Tenho vontade de ajudar outros atletas e professores formiguenses da cidade a irem para o exterior. O meu maior desejo era que os lutadores conseguissem no Brasil plenas condições para se desenvolver profissionalmente. No entanto, a situação esportiva nacional é muito difícil e em alguns países do exterior as oportunidades surgem mais facilmente”, explicou Mike. “Eu voltarei para os EUA em janeiro, mas não abandonarei meu trabalho aqui. Formiga é a cidade onde eu nasci e me desenvolvi, sou muito grato a este município e tenho laços de ligação fortíssimos com a Equipe Brasa.”
Para treinar na Equipe Brasa, o interessado pode procurar Mike. Os treinos ocorrem nos horários da manhã, da tarde e da noite, de segunda a sexta. A sede da equipe fica na Praça Oswaldo Bento, número 89 (de frente para a portaria do Formiga Tênis Clube). A mensalidade é de R$ 35.

O atleta

Rodrigo Ranieri se interessou por lutas durante a sua adolescência, quando começou a lutar judô. No entanto, Mike acabou sendo expulso das aulas e foi para Divinópolis, onde iniciou a sua carreira no jiu-jitsu. Após algum tempo, Rodrigo se mudou para Poços de Caldas, cidade na qual começou a treinar em tempo integral e conquistou a faixa marrom.
Em 2002, Rodrigo retornou para Formiga e começou a ministrar aulas de jiu-jitsu na Equipe Brasa. Mike foi para os EUA no começo deste ano e, agora, voltou, dando continuidade ao seu trabalho com a equipe formiguense. O atleta é patrocinado pela Equilibrium, pela Vale D´Ouro, pela SOS Radiadores, pela Deguejo Distribuições, pelos Kimonos Ouano e pela marca de equipamentos esportivos OTM.

Comentários (1)

1. cara fera 25/09/2008 - 10h:21

he`s my best friend and i`m *****` proud of him. gracias vato!

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.