03/07/09 - 00:30Denunciar

............

ao som de "memories", da Grand Funk...vai para o Roger e para a amiga Karla, que me faz muita falta. A saudade dela não morre, me acompanha todo dia. Infelizmente, acabaram as visitas dela aqui em casa aos sábados, os telefonemas, o companheirismo no rock, a cumplicidade para as conversas familiares, de trabalho e amorosas. Às vezes nem tínhamos novidades para contar uma pra outra, mas a Karla me ligava só para perguntar: "Ei Ju, e aí minha filha, como você está? O que está fazendo?". Muito triste o fim.


Eu vim

Murilo Mendes

Eu não nasci no começo desse século.
Eu nasci no plano do eterno.
Eu nasci de mil vidas superpostas.
Nasci de mil ternuras desdobradas.
Eu vim para conhecer o mal e o bem.
E para separar o mal e o bem.
Eu vim para amar e ser desamado.
Eu vim para ignorar os grandes e consolidar os pequenos.
Eu não vim construir a minha riqueza.
Não vim construir a minha própria riqueza.
Mas não vim para destruir a riqueza dos outros.
Eu vim para reprimir o choro formidável.
Esse choro formidável que as gerações anteriores me transmitiram.
Eu vim para experimentar a dúvida e a contradição.
E aprendi que é preciso idolatrar a dúvida.

Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.