02/11/04 - 17h:42mDenunciar

Workshop On Line



Veja a seguir a segunda coluna do Workshop On Line de Kiko Loureiro:



Amplificadores



"Dando continuidade à última coluna que escrevi falando sobre encordoamentos, neste mês vou abordar um pouco os amplificadores. Na medida do possível vou passar algumas dicas e clarear algumas dúvidas que sempre me perguntam sobre regulagens e modelos de amplificadores. Temos hoje como opções de amplificadores os transistorizados, os valvulados, os híbridos e os simuladores. Cada um tem sua função, seja ela timbre, preço ou praticidade. Vou falar um pouco baseado no que gosto e no que acho que se adapta um pouco mais para mim. Seja em apresentações com o Angra ou em workshops sempre estou usando amplificadores 100% valvulados, sejam eles pequenos ou grandes. Gosto de tocar à moda antiga, aonde a distorção vem da saturação das válvulas. Os amplificadores híbridos em situações menores funcionam satisfatoriamente também. Eles conseguem a distorção mediante a saturação da pequena válvula do pré-amplificador, mas que é amplificado por transistor. Já os 100% valvulados, além da distorção vir do pré, a amplificação também é feita por válvulas, dando assim, outra dimensão ao som. É uma coisa um pouco difícil de explicar, mas as repostas dos harmônicos e a forma que o som é projetado é realmente outra história com amplis valvulados. O problema é geralmente seu tamanho e peso, mas principalmente seu preço. A dificuldade em tocar num bom valvulado também é maior, pois a resposta é mais real, e se por exemplo, a palhetada não for forte o suficiente, o som sai magro. Também, após se acostumar, fica difícil tocar em outras condições. Sempre quando me perguntam sobre que pedal ou multi-efeito comprar ou como regular um amplificador, eu sempre aconselho em economizar e comprar um bom amplificador valvulado. Com uma boa guitarra e um bom ampli (e um bom guitarrista de preferência) e qualidade do som já está garantida, os efeitos vem para enfeitar e modelar o som que já estará poderoso. Sem fazer qualquer propaganda à qualquer marca, mas um bom ampli valvulado das boas marcas, a regulagem nunca é muito complicada. Mantendo alguns conceitos básicos se chega à um bom som facilmente. O primeiro ponto é o ganho, a distorção propriamente dita. Eu por exemplo uso para as bases a distorção só do pré (ganho do amplificador) e para o solo adiciono um pedal de drive para reforçar. Assim tenho mais conforto para os solos e fica mais fácil de fazer coisas mais modernas, como tapping, ligados, saltos etc... Nas bases não é muito legal ter muito ganho como nos solos, pois é provável que o som fique poluído e não fique definido com o baixo e bateria. Aliás é bom lembrar que nem sempre o som que é legal de tocar baixinho no quarto vai ser o que vai funcionar em um palco com a banda inteira junto. Outra possibilidade é usar um pedal de drive legal e plugar no canal limpo, assim a distorção inteira vem do pedal, mas com o som ainda amplificado pelas válvulas. O bom gosto e que tipo de estilo a ser tocado que vai orientar o quanto de distorção deve-se dosar entre o pedal e o ganho do ampli. Eu mesmo não conhecendo o ampli, tento achar por ouvido o momento que a saturação vira 'sujeira' e começa a 'sobrar' quando toco uma base. Isso no meu caso, pois toco bases com muitas notas e gosto que fiquem mais nítidas. Se fosse uma coisa com mais acordes soltos, podia deixar sujar mais, ou caso usasse o canal só para solo. Alguns amplis tem o canal limpo, um de base, e um com uma saturação maior ainda. Neste caso o pedal nem é necessário. Eu particularmente gosto de colocar o pedal, pois acho que soa diferente somar dois drives do que colocar um bem forte. Agora, falando sobre o pedal, não há necessidade de ser nada muito específico. O segredo é também colocar bem pouca distorção, e o pedal ser um bem fraquinho. Lembre-se que o pedal estará mandando um sinal mais forte para daí sim ser saturado pela válvula, assim sendo o timbre não vai importar muito. Uma boa dica é deixar o volume do pedal alto mas a saturação baixa.

Vou ficando por aqui, mês que vem vou continuar falando sobre as regulagens amplificadores, seus modelos e mais dicas de utilização."



Grande abraço!



KIKO LOUREIRO

Comentários (1)

shamaniaca
1. shamaniaca 2/11/04 20:48

To sabendo de um work q vai ter aki no Rio dele... tenho q saber onde será e
o preço hehe... eu já fui no dele e no do Rafa... bjinhus!

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.