04/06/07 - 08h:59mDenunciar

Certa vez, existiu uma alma que sabia que era a luz. Sendo uma alma nova, ansiava por experiência. "Eu sou a luz", dizia repetidamente. Mas todo o seu conhecimento e todas as suas palavras não podiam substituir a experiência de ser a luz. E na esfera onde essa alma surgiu, só havia luz. Todas as almas eram sublimes e magnificentes, e irradiavam o brilho da Minha grande luz. E por isso a pequena alma em questão era como uma vela sob o sol.







No meio da luz maior - da qual era parte - não podia ver a si mesma, experimentar-se como Quem Realmente Era.







Acontece que aquela alma desejava muito conhecer a si mesma. Tão profundo era esse seu desejo que um dia Eu lhe disse:







- Você sabe, Pequena Alma, o que deve fazer para satisfazer o seu desejo?







- Ah, o que, Deus? O quê? Eu farei qualquer coisa - disse ela.







- Deve separar-se do restante de nós -disse Eu -e então evocar a escuridão.







- O que é a escuridão, ó Santíssimo? - perguntou a pequena alma.







- O que você não é.







E a alma compreendeu. Afastou-se do todo, chegando a ir até outra esfera. Nela, teve o poder de experimentar todos os tipos de escuridão. E o fez. Contudo, no meio daquelas trevas, gritou:







- Pai, Pai, por que me abandonastes?







Vocês têm feito isso em seus momentos mais difíceis. Entretanto, eu nunca os abandonei.







Estou sempre ao seu lado pronto para lembrar-lhes Quem Realmente São; para chamá-los de volta ao lar. Por isso, sejam uma luz na escuridão, e não a amaldiçoem.







E não se esqueçam de Quem São no momento em que forem rodeados pelo que não são. Mas louvem a criação, mesmo quando tentarem mudá-la.







E saibam que aquilo que fizerem no seu momento de maior sofrimento poderá ser a sua maior vitória. Porque a experiência que criam é uma afirmação de Quem São - e de Quem Desejam Ser.







Eu lhe contei essa história -a parábola da pequena alma e do sol- para que você pudesse compreender melhor porque o mundo se encontra na situação atual, e como ele poderá mudar no momento em que todos se lembrarem da verdade divina de sua realidade mais transcendente.







Há aqueles que dizem que a vida é uma escola, e que as coisas que o ser humano observa e experimenta em sua vida visam o seu aprendizado. Eu já disse isso antes, e vou repetir:







Vocês vieram a este mundo sem nada a aprender - só têm de demonstrar o que já sabem. Ao demonstrá-lo vocês se recriam, através de suas experiências. Dessa forma, justificam a vida, dão-lhe um objetivo e tornam-na sagrada.











•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'
''::.•.::'''::.•



Faça aqui sua inscrição para concorrer ao destaque TOP 10 - ESTOU SEM FOTO de Ana Dias



•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'
''::.•.::'''::.•









•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'
''::.•.::'''::.•





bebeth não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.