30/06/06 - 18h:03mDenunciar

As sem razões do amor



Carlos Drummond de Andrade



Eu te amo porque te amo.

Não precisas ser amante,

e nem sempre sabes sê-lo.

Eu te amo porque te amo.

Amor é estado de graça

e com amor não se paga.



Amor é dado de graça,

é semeado no vento,

na cachoeira, no elipse.

Amor foge a dicionários

e a regulamentos vários.



Eu te amo porque não amo

bastante ou demais a mim.

Porque amor não se troca,

não se conjuga nem se ama.

Porque amor é amor a nada,

feliz e forte em si mesmo.



Amor é primo da morte,

e da morte vencedor,

por mais que o matem (e matam)

a cada instante de amor.







Este site é responsável pelos Títulos do meu Flog





Ai que raiva desse Flogão que vive impedindo os comentários!

Ai que vontade de "bater uma revoada",rs

Acho que vou embora de vez pro Flog Brasil ... lá não tem isso não!

Estou tentando nova postagem ... ninguém merece.



Beijos Mineiro

Bebeth




bebeth não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.