04/07/06 - 21h:20mDenunciar

Ninguém vive só



Roque Schneider





Ninguém vive só...

Mesmo as estrelas do céu brilham juntas.

Mesmo as águas do oceano correm em conjunto.

Mesmo as lágrimas rolam duas a duas, não raro acompanhadas de sorriso...



Ninguém vive só...

Mesmo as folhas pequeninas dos arbustos dormem juntas.

E os pássaros cortam ares em revoadas.



Ninguém vive só.

Mesmo as pedras procuram o caminho, porque o caminho não é deserto, mas transitado pelos homens.

Mesmo as flores procuram o jardim, porque os jardins são visitados.

Mesmo os perfumes procuram as flores, porque a flor perfumada exerce maior atração.



Ninguém vive só...

E nessa grande harmonia de conjunto, resta a constante busca de "outro", neste irresistível poema de sociabilidade, nós nos situamos também como gente.



Ninguém vive só...

Situar-se como gente é abandonar a idéia do EU, a atitude do egoísmo para aderir ao NÓS.

Eu , você, todos nós:

Abertos, confiantes, construtivos, comunitários e sociais!



Roque Schneider, Parada para Pensar, Ed. Paulinas, 1974





De certa forma, os amigos virtuais

são meus amigos e companheiros diários.

Assim, sei que nunca estou só!



Beijos e Queijos

Bebeth


bebeth não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.