22/07/06 - 19h:37mDenunciar

O FUNDO DO MEU OLHAR

Jorge Linhaça



O fundo do meu olhar tem a melancolia

do poeta que liberta os seus sentimentos

Nos versos, e seus próprios pensamentos

Fingindo na atroz dor a sua eterna alegria



O fundo do meu olhar guarda mil segredos

Das dores e das punhaladas sempre sofridas

Das mil chagas abertas em muitas feridas

Mas mostra também a superação dos medos



Meu olhar tem a paz da tranqüila consciência

do sono bem-aventurado das noites calmas

carrega ainda as marcas da covarde violência



De quem nas brumas se esconde fingindo calma

usando outras bocas para espalhar a virulência

que na sua pútrida alma diariamente se espalma.





Títulos e Montagens-Aqui





bebeth não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.