29/07/06 - 18h:37mDenunciar





MEU BEM



Autoria - Sil Cervantes





Quando preciso foi,



criei asas,



voei entre as estrelas...



Também rastejei,



do pó da terra me fartei!



Enchi a alma de amargura



e



não encontrei nem mesmo a brandura,



um cantinho de olhar,



fio de sol à alma rasgar



Então...



Vesti-me com véus



Clamei em alto brado aos céus!!!



Quente foi a lágrima que rolou,



minha vida inteira inundou...



Mas,



da água fez-se fogo,



e salpicado calor arretado,



SURGIS-TE!



Jogado fos-te de uma nuvem passageira



que rápido, seguiu ligeira,



deixando-te em meus braços...



Ensinar-me-ia amar,



para de súbito me deixar?



Encontrei-te amor!



Não quero a dúvida,



sentimento remexido,



tão maldito e dividido...



Hoje, só quero a certeza,



de finalmente ter encontrado



meu amor,



tão procurado...







Títulos e Montagens-Aqui









bebeth não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.