03/02/07 - 12h:21mDenunciar

Todos os triunfos e fracassos que iluminam e obscurecem a Terra pertencem-nos, de algum modo.

Os soluços de um hemisfério repercutem no outro.



A dor do vizinho é uma advertência para a nossa casa.

O erro de um irmão, examinado nos fundamentos, é igualmente nosso, porque somos componentes imperfeitos de uma sociedade menos perfeita, gerando causas perigosas e, por isso, tragédias e falhas dos outros afetam-nos por dentro.





Quando entendemos semelhante realidade, o império do eu” passa a incorporar-se por célula bendita à vida santificante.

Sem amor a Deus e à Humanidade, não estamos suficientemente seguros na oração.





Pai nosso... - disse Jesus para começar.

Pai do Universo... Nosso mundo...

Sem nos associarmos aos propósitos do Pai, na pequenina tarefa que nos foi permitido executar, nossa prece será, muitas vezes, simples repetição do “eu quero”, invariavelmente cheio de desejos, mas quase sempre vazio de sensatez e de amor.





EMMANUEL

(Fonte Viva, 77, FCXavier, FEB)







•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'
''::.•.::'''::.•



O brilho verdadeiro para seu flog está aqui ... SITE ESTOU SEM FOTO DE ANA DIAS



•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'''::.•.::'
''::.•.::'''::.•











bebeth não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.