"Existem saudades que sabem rir. São as minhas preferidas. Algumas, nascem sabendo. Outras aprendem, depois de transformar o choro. Como borboletas, voam pelos jardins da memória, abraçam as lembranças mais viçosas, e saboreiam o néctar, sempre disponível, das alegrias perenes."


Ana Jácomo

cassinhaa não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.