o texto não é meu.. Mas é exatamente o

Eu to tentando entender como as coisas conseguem me afetar tão facilmente, como as pessoas conseguem me abalar de maneira tão ridícula. Não sei se sou fraca demais ou realmente não nasci pra ter uma vida consideravelmente feliz. Não que minha vida seja triste (não?), mas... às vezes parece que ela insiste em conspirar contra mim. Deus deve estar me testando, quer ver até onde eu aguento e, quer saber? Não aguento mais muito não! Eu desmorono por muito pouco, faço tempestade em copo d'água, choro como criança, faço drama mesmo, drama que só eu vejo, que ninguém parece entender. E as pessoas me julgam como se eu não tivesse o direito de sofrer, como se fosse egoísta em demonstrar sofrimento. Oras, será que eu não tenho o direito de me aborrecer, de me decepcionar e estar certa nisso? De ter razão! Parece que por mais que faça nunca estarei à altura do que esperam de mim. Sempre encontrarão um defeito, sempre acharam algo pra me dizer que estou errada. Sempre haverá um "mas". Ah você está certa "maaas" tamém não precisava ter feito isso, "maaaas" não é bem assim, "maaas" não precisa ficar desse jeito. Como não precisa? Eu não sou de ferro não, não tenho sangue de barata. Tenho o direito de exigir respeito também, de não aceitar tudo sem fazer nada. Engolir sapos cansa, eu não sou do tipo que paga na mesma moeda, mas nem ficar mal eu posso? Difícil me moldar a esse padrão do que eu deveria ser, do que esperam de mim. Não reclame, não tenha raiva, não seja estressada... Oras, bem fácil ser assim quando não se tem sentimentos, que merda, eu tenho! Tão difícil entender?

cassinhaa não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.