06/06/05 - 15h:08mDenunciar

Do you want me on my knees?...

Certo...

Eu sei que disse que seria perda de tempo. Eu sei que disse que não sabia se queria me dar ao trabalho de gastar minhas palavras para dizer algo que eu sei que nunca chegaria até você... Então no caso eu realmente não me importo como isso vai ser interpretado. Eu precisei de palavras de alguém que pouco sabe sobre isso para entender que eu realmente tinha muitos conceitos errados. Afinal. Eu não posso esperar que você reaja da forma que eu quero. Aliás, nem você e nem ninguém. Assim como também eu não posso esperar que você pense da mesma forma, muito menos faça o que eu faria.



É por isso que eu acho que eu esperei demais. Alguns valores que se aplicam a mim, não precisam necessariamente se aplicar a você.

Eu me sacrifiquei demais por você. Te dava mais valor do que deveria. Mas também não é por isso que eu devesse esperar algo em troca. Acho que é por isso que dizem ser uma virtude conseguir dar sem receber. Acho que ninguém pode ter a cabeça completamente feita, e eu precisei desse desvio pra perceber que realmente estava errada. Se você errou também, não sou eu quem vou julgar. Por um tempo acreditei que sim, mas afinal... Pessoas diferentes pensam coisas diferentes. E, principalmente, agem de formas diferentes. Por isso eu acho que não existe veradade absoluta.



De qualquer forma. Não me importa mesmo se algo do que eu já fiz vai fazer diferença pra você. Até mesmo porque é tão mais fácil lembrar de desagrados do que de esforços, né?

Uma coisa que um amigo meu me disse e que eu nunca vou esquecer é que às vezes a gente gosta das pessoas não pelo o que elas são, mas pelo que esperamos que elas sejam. Acho que foi isso que aconteceu. Talvez eu tentasse enxergar em você algo que você não era. Assim como eu já fiz outras vezes. Deve ser defeito meu. Eu procuro nas pessoas que eu gosto as características que as pessoas que gostam de mim têm. Irônico isso, não? Mas eu não posso me obrigar a gostar dos outros. Já tentei fazer isso uma vez, e tudo que eu consegui foi o meu próprio egoísmo. "Brincar" com as pessoas pela minha própria satisfação, ou pelo menos por achar que algo ia dar certo. Simplesmente não dá...



Mas eu não sei porque. Eu realmente me importava com você. E ainda me importo. MUITO. Mesmo que ache que você nunca retribuiu ao que eu sentia por você da mesma forma, eu sempre gostei de estar do seu lado. Eu nunca corri atrás de alguém. Pelo menos, não do jeito que eu corri atrás de você. Talvez tenha sido tolice minha, talvez ainda seja. Não tô aqui implorando você de volta, até porque eu sei que você já tá vivendo a sua vida, e que eu já não faço mais parte dela. Quem sabe até nunca tenha feito. Acontece que você ainda faz parte da minha.



Não tô dizendo que eu te amo. Até porque talvez eu ainda nunca tenha sentido o verdadeiro significado disso pra julgar até mesmo o que eu sinto ou o que essa palavra mesmo signifique.

Só que eu cansei de me esconder atrás de mim mesma. Eu cansei de fingir que eu não me importo, porque eu ME IMPORTO. Eu não gosto de ficar sem falar com as pessoas de quem eu gosto. Nem que sejam amigos. E eu realmente gosto de você. Acho que até mais do que devia...



Não.



Não é uma declaração de amor.



É só



um pedido de desculpas...



Ps: - eu ake.

_____________________________________________________

♥ Scorpions - Believe In Love



"How does it fell babe

To taste sweet revenge

Do you want me on my knees

How does it feel babe

To let me feel your strength

Don’t be cruel, can’t you see"

(...)

"How does it feel babe

To make a fool out of me

How can you be so cold"

Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.