17/07/04 - 17h:47mDenunciar

O TESTAMENTO DE TODOS NÓS...

Na Palma



Como olhar infames linhas

E recordarr memórias minhas

Pelejar em águas futuras

Imaginar tantas loucuras



Dissipar minha dor no esperar

E o tempo passa e eu devo encarar

Encarar as noites geladas

Num marco sombrio nas estradas



E no pranto que esbanjo

Aguardo com dor uma esperança

Aguardo a chegada de umm novo anjo



E na palma da mão está escrito

Tão claro, um próximo grito

Será meu futuro tão previsto?



olha um poeminha meu... eu já fiz melhores mas acho que ele combina com a figura...



Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.