26/10/06 - 15h:19mDenunciar

Q COISA LINDA..ESSA EH A VERDADE..12 CADA VEZ MAIS NA FRENTI

A VERDADE, VENCERÁ A MENTIRA! DIA 29/10! O MARANHÃO É LIVRE

Jackson abre 16 pontos de vantagem sobre Roseana



Data de Publicação: 23 de outubro de 2006



Nova pesquisa constata que Rejeição da filha de Sarney passa de 51%.



Mais um sinal de que a onda Jackson está tomando conta do Maranhão na última semana de campanha rumo ao segundo turno: Jackson abre 16 pontos de vantagem sobre Roseana Murad na pesquisa do Instituto Constat, feita entre os dias 20 e 22 de outubro, em 40 municípios e com 1.500 entrevistado. Roseana caiu três pontos (Jackson ganhou três) em relação ao ultimo levantamento que mediu a preferência dos eleitores que vão escolher o próximo governador do Estado, no próximo dia 29. A rejeição ao nome de Roseana chegou a 51,40%, contra 30,94 de Jackson.



A pesquisa do Constat mostra que Jackson subiu seis pontos em relação ao levantamento anterior, feito no dia 18 de outubro. Jackson tinha 55,11% dos votos válidos e agora tem 58,37% contra 41,63% de Roseana.. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o número 20121/2006. Os pesquisadores entrevistaram 1.500 pessoas acima de 16 anos. A margem de erro é de 2,53%, para mais ou para menos.



A tendência de queda de Roseana Sarney vem se confirmando desde o primeiro turno. Em sentido oposto, aparece Jackson Lago, que ganha, em média, cerca de 40 mil votos por dia. No primeiro turno, Roseana Murad teve 47% dos votos e agora aparece com 41,63%.



“Um dos motivos da queda de Roseana Sarney é o alto índice de rejeição dos eleitores em relação ao nome dela. No dia 06 de outubro, ela tinha 52,37% de rejeição. Em 13 de outubro a pesquisa registrou 51,03%; houve melhora em 18 de outubro para 40,07 mas agora voltou a subir para 51,40%. Este índice pode inviabilizar a candidatura de qualquer pessoa. Mais da metade dos eleitores rejeita o nome de Roseana neste momento”, explicou o diretor do Constat, Silvio Aragão (o primeiro instituto a afirmar que haveria segundo turno no Maranhão).



Jackson Lago vem sendo beneficiado pela onda anti-Roseana que se espalha pelo Estado, principalmente nos grandes centros, como São Luís, Imperatriz e Balsas . Em conseqüência de sua rejeição na casa dos 30 pontos (tinha 38,75% em 6 de outubro), “Jackson tem campo para crescer ainda mais nesta última semana de campanha”, dizem alguns estatísticos que não querem ser identificados.



Outro detalhe a ser observado é o aumento dos eleitores indecisos desde o dia 13 de outubro: a indecisão que atingia 3,12% dos eleitores naquela data, chegou a 3,24% em 18 de outubro e agora está em 4,13%. Com a ampliação da campanha de Jackson pelo Interior, parte desses eleitores vem aderindo diariamente ao discurso do pedetista.



“Quando há dois candidatos na disputa, o aumento de indecisos tende a favorecer o candidato que está na frente”, explicou Silvio Aragão. “No segundo turno há um efeito gangorra na distribuição de votos. Neste momento, os indecisos estão saindo do grupo de Roseana, na proporção em que cresce a rejeição ao nome dela.”



A VERDADE, VENCERÁ A MENTIRA!

heldma não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.