6/07/18 16:11Denunciar

Ator Bruno Gagliasso vira alvo do MBL

Neste sábado (30), durante o jogo entre França e Argentina, o YouTuber Júlio Cocielo, usou seu Twitter para fazer uma “piada” com o jogador francês, Kylian Mbappé. O youtuber disse, que Mbappé poderia fazer alguns arrastões “top” na praia, como sempre fez na sua conta da rede social. As consequências desse comentário foram as piores possíveis.

Cocielo tentou amenizar a questão polêmica, apagando o texto sobre o jogador francês. Porém, o que o youtuber não contava, que encontraram outros posts feito do passado pelo rapaz, que gerou uma grande comoção dentro da rede social. Chagando, até mesmo, marcas que patrocinavam o youtuber serem pressionadas a deixarem de patrocinar o Júlio.

Uma dessas pessoas que ficaram chocada com a declaração de Cocielo, foi o ator global, Bruno Gagliasso, que fez um texto no seu Instagram. Gagliasso escreveu, que não se deve só cobrar das marcas que patrocinam e mantem o youtuber, mas, também pessoas famosas que seguem, curtem e até mesmo, fazem parceria com pessoas com viés racista, machista, homofóbico e etc.

Ainda, Gagliasso, diz que as pessoas deveriam vigiar seus círculos, não só virtuais, mas todos os círculos que se convive. E continua, que uma educação sem nenhum “preconceito”, não é e nem pode ser só para as crianças, porque, segundo o ator, as demonstrações de “racismo” não têm idade cronológica.

Mas, após o texto do Bruno Gagliasso, contra a atitude do youtuber, Júlio Cocielo, muitas pessoas começaram a cobrar uma posição das marcas e outras, disseram, que foi apenas uma “piada”. O MBL (Movimento Brasil Livre), nesta quarta-feira (4), no começo da tarde, começou a postar posts do Twitter do ator global dizendo, que a sua atitude era uma atitude “hipócrita”. O movimento, também fez as mesmas cobranças que Gagliasso tinha feito em seu Instagram.

Para reforçar a posição do movimento, na manhã dessa quarta-feira (5), o canal do YouTude, Mamaefalei, que pertence ao também, membro e ativista do MBL, Arthur do Val, revelando bastante coisa de Gagliasso. Arthur começa seu vídeo dizendo, que o ator era “demais” por dar um selinho em outro homem, em deixar a sua esposa, a também atriz, Giovana Embank, a também dar selinho em outro homem.

Ainda, continua do Val, que Bruno Gagliasso, empresta a sua imagem a várias marcas. E em contrapartida, segundo Arthur, patrocinam o ator e até fazem muitas campanhas publicitarias com ele. Segundo, o youtuber, existe muito a patrulha do “politicamente correto”, que perseguem que não pensa igual a eles, e acabou prejudicando o Cocielo. Mas, concorda que o Júlio errou e não foi uma atitude boa, mas, também não precisava acabar com a vida do rapaz.

E, do Val, fez as mesmas cobranças que Gagliasso tinha feito, cobrou das marcas que patrocinam o ator a tomarem uma posição diante do twittes homofóbicos do ator.

Em resposta, o ator Bruno Gagliasso disse, que está respondendo em 2018 o que ele foi em 2009, quando os posts foram feitos. Algumas marcas já retiraram o ator de suas campanhas.

By Amauri Nolasco Sanches Junior

Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.