26/01/07 - 13h:31mDenunciar

LEIA AS NOTICIAS QUE ESTAO NU POST !







Colunista diz que craque faz jejum como forma de expiação. Meia brasileiro nega



RIO DE JANEIRO – Segundo o colunista Ancelmo Gois, do jornal “O Globo”, o craque Kaká está fazendo um jejum como forma de orar a favor de membros da Igreja Renascer, da qual o brasileiro é devoto, que foram presos recentemente.



De acordo com a nota, o jogador do Milan, da Itália, realiza jejuns para padecer junto com a bispa Sônia e o marido, o apóstolo Estevam Hernandes Filho, que estão em liberdade condicional em Miami, nos Estados Unidos, acusados de lavagem de dinheiro e evasão de divisas. Os dois foram presos no início do ano, no dia 9 de janeiro, em um aeroporto. A dupla estava com US$ 56 mil não declarados na mala. Havia também dinheiro escondido em um porta CDs, em uma mochila e até dentro de uma Bíblia.



Procurada pela reportagem do GLOBOESPORTE.COM, a assessoria do craque do Milan negou, em uma nota oficial, que a informação seja verdade. De acordo com seus assessores, o único jejum que o jogador faz é no ano novo (entre o dia 31 e o dia 1º), por causa de uma tradição de sua religião.



“Não é verdade a notícia publicada pela revista Veja do último fim de semana e republicada hoje na coluna do jornalista Anselmo Gois, do jornal O Globo. Kaká não está fazendo jejum ou mesmo greve de fome. Ele é um atleta profissional e sabe o quando seu desempenho seria afetado por tal atitude. O jogador Kaká não se pronunciará sobre sua religião, pois considera este um assunto particular.”









Assessoria de imprensa diz que craque não falará sobre sua religião



RIO DE JANEIRO – Em nota oficial emitida pela sua assessoria de imprensa, o meia Kaká, do Milan, da Itália, negou que esteja em jejum como forma de expiação pela prisão de membros da Igreja Renascer da qual é devoto. A informação da atitude do meia foi noticiada por um colunista do jornal "O Globo".



“Não é verdade a notícia publicada pela revista Veja do último fim de semana e republicada hoje na coluna do jornalista Anselmo Gois, do jornal O Globo. Kaká não está fazendo jejum ou mesmo greve de fome. Ele é um atleta profissional e sabe o quando seu desempenho seria afetado por tal atitude. O jogador Kaká não se pronunciará sobre sua religião, pois considera este um assunto particular.”







Estilista carioca afirma que craque do Milan faria sucesso nas passarelas



RIO DE JANEIRO – Caso Kaká realmente esteja realizando um jejum como expiação pela prisão de membros da Igreja da qual é devoto, o jogador poderá, além de perder peso, é claro, se beneficiar no mundo da moda. Tido como um ícone fashion – tendo feito diversas fotos para grifes como a famosa Armani -, o meia do Milan poderia brilhar também nas passarelas.



- Se ele ficar mais magrinho será ruim para sua carreira como esportista, por outro lado, se ele quisesse desfilar, seria bom caso ele fosse enveredar pelo mundo da Moda. Não são apenas as modelos mulheres que precisam ser magrinhas para desfilar, os homens também – ressalta a estilista carioca Athria Gomes, dono de uma grife que leva o seu nome e que participou do último Fashion Rio, evento de moda realizado no Rio de Janeiro.

Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.