23/08/04 - 13h:42mDenunciar

O cãozinho...

Todos os dias um menino passava em frente à uma loja de animais.

Além de ter uma admiração muito grande pela gaiola dos cachorrinhos (também pudera, eles eram tão bonitos), ele passava horas e horas brincando com os mesmos.



Passado vários dias ele não se conteve; entrou voando na loja, saindo atropelando as palavras.

Enfim, teve a coragem necessária para perguntar ao dono da loja o preço dos cachorrinhos.

Saiu com um sorriso muito grande, contando com os dedo e já vendo as possibilidades da tão desejada compra.



Todos os dias juntava o resto das moedinhas que sobrava da compra do leite e pão; da merenda escolar.

Não comia mais no colégio, trabalhava sem parar, estava decidido a comprar um dos cachorrinhos.



Enfim... conseguiu juntar todo o dinheiro e foi depressa à loja, colocou no balcão o saquinho, abriu e caíram muitas moedinhas.

Bem, o próximo passo era escolher o cachorrinho.

O dono da loja levou o menino até a gaiola, e todos, menos um cachorrinho, vieram a seu encontro; afinal eles já eram velhos conhecidos.



Só que o menino escolheu exatamente o que ficou no fundo da gaiola recolhido.

O dono da loja disse ao menino que aquele cachorrinho não serviria para brincar, correr com ele, pois era defeituoso de uma das pernas, pedindo assim para ele escolhesse outro.



Nesse mesmo momento o menino arregaçou a sua calça comprida e mostrou ao dono da loja a sua perna mecânica, mostrando, que assim como ele, todos nós temos defeitos, portanto podemos ser bons amigos.



Não deixe seu amigo de lado, por ele ter o defeito que você vê, não se esqueça de que ele também talvez veja um defeito em você que você não imagina ter.







(Autor Desconhecido)



Doe-se na amizade...

Mas sem a intenção de receber algo em troca,

pois tudo vem e acontece naturalmente quando se é verdadeiro.





Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.