9/12/17 1:50Denunciar

PAI

PAI

Pai, foste desta vida tão cedo e agora só restam saudades,
o destino foi cruel, foi desígnio de Deus ou pura maldade?
Ficou um vazio e com o tempo parece que a dor vai passar,
mas aí vem o filme da vida e insiste em nos reprisar!

Foram tantas lembranças boas e as más nem faço questão de lembrar,
ensaiei tantas palavras para te dizer e algumas não disse jamais,
por essa razão me arrependo da minha covardia ou da vergonha falar,
mas não foram poucas as vezes que quis conjugar o verbo amar!

Amadureci e muito pouco daquele orgulho desmedido sobrou,
assim como a oportunidade de demonstrar por meu pai todo o meu amor,
o tempo passa, passa a sensação de ser eteno e a dor ensina a gemer,
portanto, diga ao teu pai o quanto o ama para nunca se arrepender!

Antônio C. C. Almada

Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.