18/09/08 - 13h:13mDenunciar

† Lilith Sedutora e Mortal †


"Lilith"



Era ela, linda bela,
“A primeira”.
Que em sua face linda, traiçoeira,
Levada foi pelo orgulho do vento
“Virgem, donzela”.

Suave brisa do Éden
“Morna, tépida”
Que por tempos amaciou os cabelos
rúbidos, lascivo
da mulher levada a execrar a vida
“Perdida, maldita”.

Dos olhos apenas a água.
Das mágoas, as lágrimas.
Do homem somente a lembrança
“Profanada, desonrosa”.
De sua boca o sorriso incutido...
“...qual sorriso?”
Esquecido.

Na amante, o perfeito semblante
“Odioso, marcante”.
No fraco filho uma arma
“pura, pérfida”.
No preferido uma ferida
sangrenta, partida.

Outrora em exílio à terra pobre,
“Ignota... Nod”,
Com ela os filhos e a geração
de Adão, a maldição.
E com Caim, seu primeiro aliado
vagaram por Nod
“sujos, execrados”.

De sua maldição ela fora liberta.
Maligna, singela.
Do homem a vingança jazia completa.
Do Éden, a recordação ausente:
“O veneno... Serpente!”
De Eva, seus filhos amados,
“ Amantes involuntários.”



Na dor a melancolia...
...Lilith ali renascia,
e feria e sorria.
E agora no vento do deserto
“ Noctívago, gélido.”
Com os rúbidos cabelos envoltos no véu,
Noiva tornou-se do divino Samayel.
Anjo?
“Caído, ferido.”

Em volta, os lobos...
...urros, ululos.
E nas negras noites nascia
a mortífera amante Succubus .


Michele Cristina S. T. (06/02/2006)







[...só pq senti saudades!cuidem-se!]


^ Frieden in der seele ^




Comunidade "Versos de Melancolia"
"Versos de Melancolia"






(Ao som de Tristania - Ghotic Metal)

melancolia não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.