04/03/08 - 23h:38mDenunciar

Mom.Reflexão.





Viemos para lembrar que dias melhores esperam a todos que persistirem em seguir as pegadas do Mestre.



A porta estreita é acesso ao pátio interno do nosso Eu,





onde nosso Mestre nos esclarecerá sobre as questões, que não se encontram nos livros, porque são as dificuldades de cada um de nós, uma vez que cada qual se situa num patamar evolutivo.



Por isso a necessidade da meditação, que nos leva ao encontro deste Mestre.



Jesus é, sem dúvida, o Mestre de todos nós, mas como nos deu um pai e uma mãe e um guia espiritual, deu-nos também este ser, que, em contato mais estreito com o Alto, porque sempre ligado a questões transcendentais, é mais apto a nos responder sobre a essência da vida.



Jesus também meditava e era o médium de Deus. Mas envolto pelo turbilhão do mundo, cercado de vibrações as mais diversas, procurava recolher-se para reforçar os laços com o Pai. Não nos iludamos.



Quem está no mundo sofre os efeitos das intempéries que nele se processam.



O pátio interno é lugar seguro, protegido. É o nosso ponto inatacável pelos Espíritos trevosos. Meditemos com humildade e amor sem estabelecer questionamentos, que induzam respostas.



A meditação é um desligar-se, um esvaziar-se, para que o que for necessário se torne conhecido.



(Mensagem psicografada no Centro Espírita Fé, Amor e Caridade em 02.06.2005)

monyka não permite ver os comentários desta foto.

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.