24/05/05 - 01h:12mDenunciar

Eu sei que a montagem tá podre mais o que vale é a intenç

Há uns 11 anos atrás, uma amiga da minha mãe veio nos visitar, depois da visita ela foi na casa de outra amiga dela e me levou junto, chegando lá conheci a filha da amiga dela, uma menininha que tinha uns 6, 7 anos, não lembro ao certo... Naquele dia, brincamos a tarde inteira, e à partir daquele dia eu ia p/casa dela todos os FDS , nós passávamos o final de semana inteiro brincando ( e brigando de vez em quando)... Mas o problema era que ela era filha única, mimadaaaaaaaaa, TUDO tinha q ser do jeito dela, a brincadeira era ela que escolhia, a hora de brincar, a hora de parar... Até q um dia me enchi daquilo tudo e resolvi parar de ir brincar na casa dela, então, quando minha mãe ia lá, ela chorava pedindo p/ minha mãe ir me buscar, pq ela era tão mimada que quase ninguém agüentava brincar com ela.

Não lembro como, nem qto tempo depois, mas voltamos a brincar normal... Tivemos algumas brigas depois disso tb, qdo ela fez 8 anos eu não fui no aniversário dela, nós havíamos brigado ñ lembro pq... A mãe dela esperou até umas 23 h ( naquela época, 23h era tarde), p/ cantar “Parabéns”, mas eu não apareci... Mais tarde, fizemos as pazes de novo, com alguns “intervalos” de brigas passageiras... Só quando ela fez 10 anos que brigamos “sério” de novo, rs, dessa vez eu lembro o motivo... Foi pq eu keria ouvir um CD e ela n quis colocar ( Nossa, q sério!, rs), então fui p/ casa decidida a não ir na festa de aniversário dela. Mas dessa vez ela foi atrás de mim, estava eu em casa assistindo o filme do “Ursinho Panda” e a pequena grande criatura aparece lá pedindo desculpas... Resultado: Fizemos as pazes...

Eu lembro que uma vez ficamos 3 meses sem nos falar, mas n sei pq, rs, uma vez tb brigamos de tapas, ou melhor, de unhas... Ah! Não poderia esquecer das vezes em que eu ficava “fazendo guarda” p/ avisar qdo a mãe dela estava vindo, enquanto ela despejava a comida no vaso sanitário, ou então qdo ela colocava no meu prato neh...

Mas conforme fomos crescendo, as brigas foram diminuindo. Paramos de nos falar pela última vez qdo eu tinha uns 13 e ela uns 12, por aí... Depois fizemos catecismo, fomos batizadas e fizemos 1º Comunhão juntas. Tínhamos tb um grupo, éramos as Chiquititas... rs

Daí paramos de brigar “por nada”, as conversas já eram outras... Logo, ela já estava namorando e depois eu. Nossos namorados sempre tinham algo em comum, msm nome, msm dia de aniversário... rs

Então aquela menina mimada, chataaaaaaaaa, cresceu e não pensava mais em bonecas nem em Chiquititas...

Mas a cabeça confusa que ela tinha não mudou, sempre sem saber o que fazer, me ligando de madrugada, me pedindo conselhos, entretanto nunca os seguia, ela tinha, aliás TEM o dom de fazer o oposto do que eu falo!!!!!!!!

Mas msm sem saber que ela não ia ouvir, eu sempre estava pronta p/ ajudar, ou pelo menos dizer algo, e “ai de mim” se não tivesse uma resposta... e rápido neh.

Mas eu contei essa imensa história p/ vcs, pq hoje, essa garotinha ta fazendo 17 anos, já não é mais uma garotinha né. Ela mudou ( um pouco) desde a época em que nos conhecemos, ela é menos mimada, menos chata, menos egoísta... Mais amiga, mais compreensiva, mais linda!!!!!!!

O que mais eu posso dizer p/ ela? Já disse tanta coisa... Que eu vou está aqui sempre, ( msm sabendo q ela só vai pedir meu conselho por curiosidade), todo mundo sabe neh...

Então só tenho que agradecer à Deus por essa amizade que já passou por tanta coisa e hoje ta aí “mais firme do que nunca”, e pedir p/ que Ele coloque JUÍZO nessa cabecinha confusa, e que ela aprenda a fazer mais do que perguntar o que deve fazer, que ela faça o que eu digo, que perceba que não importa o quanto nos importamos, há pessoas que não dão valor mesmo, que ela veja que só recorre aos gritos quem não conseguiu triunfar com a razão, que aprenda que nem sempre as coisas são como sonhamos, desejamos e planejamos, mas isso não quer dizer que elas não deram certo e que o tempo é capaz de curar todas as mágoas e só ele é capaz de dizer o que será de nós, e que o futuro à Deus pertence!!!!!!!!

Só p/vc não esquecer... Eu te amo tá?



"Amigo é aquele que sempre aparece nos difíceis momentos da vida, é aquele que ouve, aquele que cala, aquele que entende e sobretudo,chora com a gente"



Feriado, Santa Aldeia e Lucky, vamos causar!!!!!!

Comentários (0)

Fotos postadas a mais de 15 dias não podem receber comentários.